Sala de Imprensa

Videogames chegam ao Brasil com os preços mais altos do mundo

Jornal da Globo
Preço do Playstation 4 será de R$ 4 mil e do Xbox One, R$ 2 mil.

Preço do Playstation 4 será de R$ 4 mil e do Xbox One, R$ 2 mil.
Esses são os maiores custos dos consoles, com elevada carga tributária.

 

O anúncio do preço do Playstation 4 assustou os fãs de games. Com valor acima do esperado, apenas os mais apaixonados por jogos vão ter coragem para comprar o novo videogame da Sony no Brasil. A edição mais nova do Playstation 4 até poderia se chamar “Playstation R$ 4 mil”, pois é quanto ele deve custar. O pior é que, nos Estados Unidos, o preço vai ser o equivalente a um quarto do valor que os brasileiros vão pagar.

Para comprar em uma loja nacional, vai sair tão caro que, com os R$ 4 mil, é possível viajar para Miami, comprar o videogame por lá, ficar três dias hospedado em um hotel simples, voltar e, ainda assim, vai sobrar um pouco de dinheiro. A Sony argumenta que isso acontece por causa da alta carga tributária do país. Em partes, isso procede, segundo o advogado tributarista Miguel Silva. “A carga tributária elevada perfaz por volta de 70%. O segundo ponto é que o Custo Brasil está embutido no preço. Tem também uma taxa de insegurança jurídica, as empresas estão preocupadas com a política intervencionista do governo”, explica o advogado.

Essas são as mesmas dificuldades do concorrente direto: o Xbox One, da Microsoft. Só que ele vai chegar ao Brasil custando pouco mais da metade do preço do PS4: R$ 2.200. E olha que lá nos Estados Unidos o console da Microsoft é US$ 100 mais caro que o da Sony. Aqui no Brasil, os dois vão ser os mais caros do mundo. E gamemaníaco que não pode pagar vai se virar para continuar jogando. “Aí eu jogo com meus colegas nas casas deles. Até abaixar o preço, eu fico com o Playstation 3”, conta um fã de games.

 

COPYRIGHT 2017 | DESENVOLVIDO POR